Seja Bem Vindo!

INFORMAÇÕES, CONTEÚDOS PARA SUAS AULAS, CURIOSIDADES E MUITO MAIS!!

Este ambiente virtual pretende orientar leituras e suscitar reflexões e debates. Seja bem vindo! Inscreva-se, participe, envie seus comentários. Dê sua opinião!
________________

sábado, 4 de junho de 2011

Flash Mob: mobilizações nos tempos das tecnologias - Julie Andrews cantando Dó-Ré-Mi na estação central de trem em Antuérpia, na Bélgica.


Sabe-se que as mobilizações de pessoas são, historicamente, um recurso muito usado, em manifestações políticas. A história está repleta delas, como por exemplo a Revolução Francesa, onde o povo, para pressionar a monarquia francesa, tomou de assalto a fortaleza-prisão da Bastilha e invadiu o palácio das Tulherias, fazendo a família real refém. Recentemente, temos os casos das mobilizações políticas no Egito e na Espanha, com importante papel das tecnologias de comunicação e informação.
O primeiro flash mob foi organizado via e-mail (com o endereço themobproject@yahoo.com, criado para este fim), pelo jornalista Bill Wasik, em Manhattan. Mandando o e-mail para 40 ou 50 amigos (de maneira que eles não soubessem que o evento fora planejado pelo próprio jornalista), Bill convidou as pessoas a aparecerem em frente à loja de acessórios femininos Claire’s Acessories. Segundo ele, "A ideia era de que as próprias pessoas se tornassem o show e que, apenas respondendo a este e-mail aleatório, essas pessoas criassem algo" em um mob anônimo e sem liderança.
Happening é um evento ou situação que surpreende e envolve as pessoas. Pode acontecer em qualquer lugar e sob qualquer circunstância. O termo apareceu pela primeira vez nos meses de inverno no hemisfério norte de 1959, publicado na revista literária de Rutgers University. O mais importante evento foi o “Poetry Incarnation”, de Albert Hall em 11 de junho de 1965, quando uma platéia de sete mil pessoas prestigiou e participou das performances de alguns vanguardistas jovens poetas britânicos e americanos. Allan Kaprow foi o primeiro a dar ao termo o significado de uma forma de expressão artística.
No caso do vídeo acima, Mais de 200 dançarinos realizam uma versão de "Do Re Mi", na Estação Central de Antuérpia. Com apenas dois ensaios, eles criaram essa proeza incrível! Aqueles quatro minutos fantástica começou a 23 de Março de 2009, 08:00. É um golpe de promoção de um programa de televisão belga, onde eles estão procurando alguém para desempenhar o papel principal, no musical "The Sound of Music". Sem advertência aos passageiros que passavam pela estação, a voz de Julie Andrews soou nos alto falantes da estação, cantando Dó-Ré-Mi.   Repare nos olhares perplexos e maravilhados das pessoas que estavam ali, naquele momento mágico.
Veja Aqui, a campanha oficial do evento Free Hugs (abraço gratis) e Aqui, uma reportagem sobre a versão brasileira.
Postar um comentário

Você poderá gostar também de: